Pesquisar este blog

Novidades!!!

segunda-feira, 21 de março de 2016

COMEMORAÇÃO PARA A SAGRAÇÃO DO NOVO BISPO

Sancho Pança e seu fiel... escudeiro Rucio
Em comemoração à Sagração do novo bispo, "alguém" retirou infantilmente do Youtube um vídeo de Dom Tomás no qual este, embora apoiando incondicionalmente àquele que iria lhe dar a tão almejada mitra, deixa escapar uma confissão acerca da imprudência de Dom Williamson. O sempre atento blogger do Pacientes na Tribulação acabou percebendo fortuitamente o fato, quando preparava um artigo a respeito. Mais uma vez nos deparamos com os métodos bolchevistas típicos de modernistas que fingem (porque? Só Deus sabe!) ser tradicionalistas 

Querem reescrever o passado! Um exemplo perfeito do "agir nas trevas".  

Me pergunto como uma pessoa dessas consegue conciliar o sono à noite, pior... como pode comungar o Corpo, Sangue, Alma e Divindade de Nosso Senhor Jesus Cristo!... Sua alma, sua palma, diz o ditado.

E, me respondam por caridade: quando, então, Monsenhor Tomás falou a verdade? Quando discordou de Dom Williamson ou quando concordou com ele? As duas não dá. Foge a qualquer razão. 

A notícia é de ontem. Hoje, dia de São Bento, desejo, rezo e espero que o novo Monsenhor, de posse de sua nova e bonita mitra, e já livre da obrigação de precisar adular a Dom Williamson, volte a defender a Fé e a Verdade. Amém.

Caras crianças - porque isso é muito infantil... - podem deletar todos os vídeos, podem queimar todos os escritos, mas não podem reescrever a história, uma vez que já foi registrada na memória das pessoas de bem e, mais do que isso, na memória de Deus, que é Onipresente e Onisciente. Acaso esquecerem disto? O problema para vocês é que Ele é também Onipotente... e isso não lhes preocupa nem um pouco? Perderam, então, totalmente a Fé.

Um pequeno aparte para uma singela observação e uma humilde solicitação

Desse artigo do Pacientes na Tribulação, fica claro que o Professor Carlos Nougué continua a fazer uso indevido da lista de e-mails que eu, de boa fé, enviei para ele para que formatasse uma mala direta para, ÚNICA E EXCLUSIVAMENTE, arrecadar doação para a escola que o Mosteiro da Santa Cruz mantém em suas dependências. Ele, contudo, continua incomodando as pessoas, sem pudor algum. Imaginei que, após meu artigo a respeito (um passarinho me contou que ele soube/leu...), ele tivesse tido a decência de retirar daquela lista abusiva os emails que eu enviei, ou que educadamente - porque ele é muito fino - atendesse aos pedidos daqueles que solicitaram a exclusão de seus nomes... Mas, que nada! Imaginem vocês que a uma senhora de Minas Gerais, que lhe fez a solicitação, respondeu com a costumeira grosseria, afirmando que jamais enviou nada para ela... Curioso que a referida senhora havia feito a solicitação respondendo justamente ao e-mail que esse senhor lhe havia enviado... Está lá, preto no branco, devidamente printado, para espanto dos que puderam ler... Das duas uma, ou há um irmão gêmeo enviando e-mails em nome dele ou...  

Gente! Ele respondeu no próprio e-mail que ela enviou para ele, em resposta ao e-mail que ele havia enviado para ela... A sequência de e-mails está lá. Todinha! Coisa de loucos!... 

Assim, como serviço de utilidade publica, aproveito o ensejo e peço, com toda a gentileza e humildade que o ego dele necessite, que o ilustre e prezado Professor Carlos Nougué PARE de enviar e-mails não solicitados à referida lista. Nem pega bem para ele prestar-se a esse papel... ridículo

Uma palavra também a respeito da sagração de Dom Tomás, porque sei que a curiosidade nada virtuosa dos seus asseclas está esperando: foi publicada em algum lugar uma sequência de belas fotos, tiradas segundo a segundo da cerimônia, só faltou uma coisa: DOUTRINA. E mais não digo. 


Assim, vamos ler, agora, o post do Pacientes na Tribulação

Tiraram do ar um vídeo de Dom Tomás


Enquanto
eu escrevia um dos artigos sobre a polêmica causada por Dom Williamson, tive a ingrata surpresa de perceber que tiraram do ar um vídeo de Dom Tomás que estava hospedado no Youtube, e que foi divulgado pelo professor Carlos Nougué em um de seus inúmeros e-mails não solicitados. Neste vídeo, Dom Tomás dizia que não havia encontrado nenhum erro nos Comentários Eleison de Dom Williamson sobre o suposto milagre de Buenos Aires. Mas também deixou escapar uma confissão: a de que, se alguém estava em dúvida sobre ir à missa nova, aquele seria o pretexto para ir. Dom Tomás acabou confessando a imprudência de Dom Williamson, o que, por si só, já seria um grande erro, mesmo que não houvesse outros. Se divulgaram o vídeo achando que todos nós abaixaríamos a cabeça somente porque Dom Tomás afirmou, gratuitamente, que não havia erro, certamente tiraram do ar depois que viram que ainda tínhamos a capacidade de não nos abatermos diante do argumento da autoridade que contraria a verdade.

Para provar o que estou dizendo, coloco a seguir as imagens do e-mail e do Youtube sem o vídeo:



Podem conferir o endereço no e-mail e tentar acessar http://youtube.com/watch?v=RRrTnpFYL3c.

Se alguém tiver salvo o vídeo, ou souber de outro endereço no qual ele esteja hospedado, por favor, envie para mim para fazer parte do artigo.

Aproveito para avisar que, durante a Semana Santa, por respeito à Paixão de Nosso Senhor, não estarei publicando nada.


Fonte: https://intribulationepatientes.wordpress.com/2016/03/20/tiraram-do-ar-um-video-de-dom-tomas/.  


A notícia em espanhol: https://intribulationepatientes.wordpress.com/2016/03/20/eliminaron-de-youtube-un-video-de-dom-tomas/.  



 
COMENTARISTA, LEIA ANTES O 
LEIA ANTES DE COMENTAR
THANKS! 
  
* * *
 
http://edicoescristorei.blogspot.com.br

*
É possível que, ao enviar este post por e-mail, o botão de doação acima não funcione. Nesse caso, envie um e-mail para edicoes.cristo.rei@gmail.com, ou diretamente para o Rev. Pe. Cardozo: runaejcv@gmail.com.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog é CATÓLICO. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se reservam o direito de publicar ou não.

COMENTE aqui. Para outros assuntos, use o formulário no menu lateral. Gratos.

ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA