Pesquisar este blog

segunda-feira, 23 de novembro de 2015

23 de novembro: São Clemente I, Papa e Mártir

23 de novembro 

São Clemente I 

Papa e Mártir


São Clemente I, também conhecido como Clemente Romano, foi o quarto Papa da Igreja Católica, entre 88 e 97 dC. Nascido em Roma, nos arredores do Coliseu, por volta do ano 35dC, de família hebraica, foi um dos primeiros a receber o batismo de São Pedro, que também o sagrou Bispo. Foi sucessor de Anacleto I (ou Cleto) e autor da Epístola de Clemente aos Coríntios (segundo Clemente de Alexandria e Orígenes), o primeiro documento de literatura cristã, endereçada à Igreja de Corinto. Ele foi o primeiro Padre da Igreja
Padres da Igreja, Santos Padres ou Pais da Igreja foram influentes teólogos, professores e mestres cristãos e importantes bispos. Seus trabalhos acadêmicos foram utilizados como precedentes doutrinários para séculos vindouros. Os padres da Igreja são classificados entre o século II e VII. O estudo dos escritos dos Padres da Igreja é denominado Patrística.

Discípulo de São Pedro, São Clemente, após eleito restabeleceu o uso da Crisma seguindo o rito do primeiro Papa, e iniciou o uso da palavra Amém nas cerimônias religiosas. É conhecido pela carta (Epístola de Clemente aos Coríntios) que escreveu para atender a um pedido da comunidade de Corinto, na qual rezava uma convincente censura à decadência daquela igreja, devida sobretudo às lutas e invejas internas entre os fiéis (consta que os presbíteros mais jovens teriam usurpado as prerrogativas dos mais velhos), estabelecia normas precisas referentes à ordem eclesiástica hierárquica (bispos, presbíteros, diáconos) e ao primado da Igreja de Roma, que se ressalta ainda mais pelo fato de São João Evangelista ainda estar vivo e não ter intervindo em tal crise. 
A Primeira Epístola de Clemente, também conhecida literalmente como Clemente aos Coríntios, abreviada como I Clemente, é uma carta endereçada aos cristãos da cidade de Corinto. A carta foi datada como sendo do final do século I ou começo do século II d.C. e, juntamente com o Didaquê e o Evangelho de Tomé, é um dos mais antigos - se não o mais antigo - documentos cristãos sobreviventes fora dos Evangelhos canônicos.

Bernardino Fungai: Martírio de São Clemente
Em seu Pontificado ocorreu uma segunda perseguição aos cristãos, na época de Domiciano. Com Nerva, os cristãos viveram uma temporada de paz. Mais tarde, Clemente foi preso no reinado de Trajano. Após ser detido e condenado ao exílio, com trabalhos forçados nas minas de cobre de Galípoli; no ano 97 dC, decidiu que os cristãos não podiam ficar sem um guia espiritual, renunciando em favor de Santo Evaristo. Converteu muitos presos e, por isso, por volta do ano 100, foi atirado ao mar com uma pedra amarrada ao pescoço, tornando-se um dos mártires cristãos dos princípios da Cristandade. Seu corpo foi recuperado da águas e sepultado em Quersoneso, na Crimeia, de onde, mais tarde, por ordem de Nicolau I, seu corpo foi levado a Roma.

Fontes: 

  • https://pt.wikipedia.org/wiki/Padres_da_Igreja
  • http://www.paginaoriente.com/santos/clementei2311papa.htm
  • https://pt.wikipedia.org/wiki/I_Clemente
  • https://pt.wikipedia.org/wiki/Papa_Clemente_I
    

É possível que, ao enviar este post por e-mail, o botão de doação acima não funcione. Nesse caso, envie um email para edicoes.cristo.rei@gmail.com, ou diretamente para o Rev. Pe. Cardozo: runaejcv@gmail.com.

Para assinar o PALE IDEAS, informe abaixo o seu e-mail e clique em Assine. Em breve receberá um email de confirmação. Basta clicar no link e... pronto!   Informe seu e-mail: Delivered by FeedBurner  Assim, não perderá nenhuma das postagens do Pale Ideas! _

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog é CATÓLICO. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se reservam o direito de publicar ou não.

COMENTE aqui. Para outros assuntos, use o formulário no menu lateral. Gratos.

ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA