Pesquisar este blog

Novidades!!!

sábado, 15 de outubro de 2016

Doutrinação marxista nas escolas: colocando filhos contra pais

Professor de filosofia pede para alunos relatarem "coisas negativas" que seus pais lhes fizeram. Quem ele pensa que é, afinal?



Escrevo ao Escola sem Partido para relatar alguns abusos que venho notando (imagino os que passam fora de meu olhar) por parte de professores nas escolas de meus filhos.

Tenho três filhos em idades de 16a, 07a, e 05 anos, que estão cursando Ensino Médio, Fundamental e Jardim de Infância 2º período, respectivamente. Na semana passada, a mais velha faltou por motivos de saúde, e seus colegas mandaram-lhe as tarefas do dia em que incluíam a matéria de Filosofia, onde o professor pedia que os alunos

"adentrassem na sua caverna interior e buscassem coisas negativas que os pais teriam-lhes feito, coisas que disseram ou os infringiram de algum modo negativo em sua infância, ou mais recentemente!"

Não entendo porque o que acontece dentro de minha casa na educação do meu filho, restrita aos pais, poderia ser dividido com a classe, ou mesmo com o professor e o que isso teria a ver com a matéria que ele deveria estar ensinado!



Se os garotos que estavam em sala não se questionassem pela razão de ele dar algo tão alheio ao conteúdo, nem sei o que poderia fazer com estas informações, uma vez que não sabemos sua intenção verdadeiramente!

Instrui minha Filha a não realizar o dever, dizendo que estava fora do conteúdo e era invasivo à vida familiar e a santidade domiciliar! Eles não podem achar que estão ocultos pela ingenuidade e falta de formação politica dos meninos e meninas que lá estão para receber instruções para uma vida profissional, pois todo o resto fica a cargo das famílias!

Ontem na Escola Parque, onde meu filho fica às quartas-feiras, cheguei um pouco mais cedo, para buscá-lo e dei de cara com um verdadeiro "Lola Palooza" de músicas alta, batidões, professores da matéria de skates, as musicas nem preciso falar que não se ouve em casas respeitáveis!

Felizmente meu filho de 07 anos tem mais juízo do que é certo e errado que seus instrutores, e se retirou para uma sala pedindo para não participar, fui buscá-lo... enquanto saía vi em vários locais cartazes "contra a Lei da Mordaça" porque sem liberdade de expressão não tem educação! (sic) Então percebemos com quem estamos lidando nesta tão antiga escola parque, que situa-se aos fundos da Paróquia em que se dará o "CONHECENDO GENERO" DIA 29/10!

Até agora a que menos posso reclamar é o Jd Infância em que meu caçula está, porque a professora é mais conservadora e rígida em disciplina e na instrução dos meninos... mesmo assim ela sofre com falta de bons materiais, na área de literatura para ser mais específica.


Fonte: http://escolasempartido.org/defenda-seu-filho-categoria/631-professor-de-filosofia-pede-para-alunos-relatarem-coisas-negativas-que-seus-pais-lhes-fizeram


  

2 comentários:

  1. Penso que os pais católicos - principalmente os que se inserem no contexto dos chamados "leigos engajados" têm que deixar de ser omissos ou achar que essa problemática "é coisa da Pastoral Familiar"!! Impressiona-me a passividade com que os pais católicos tratam este assunto e a omissão e indiferença que parece reinar na sociedade "sem tempo para essas coisas", enquanto uma minoria organizada de "militantes políticos" aos quais foi "cedido" indevida e maliciosamente o diploma e a "nobre cátedra" de professores, continuam desrespeitando a formação de consciência e o aprendizado de nossos filhos/alunos. Tais "militontos" com certeza "dizem-se" ateus / comunistas, pois se fossem cristãos/católicos não desconheceriam que "estão escandalizando" as crianças e isso lhes servirá de duras penas. Esquecem que seus "deuses" Marx & Cia. estão mortos e que seus futuros em pó é certo e inexorável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado sr. Antonio, os pais prestarão contas a Deus pela educação que derem a seus filhos. Eles deveriam estar muito preocupados com isso. Se se omitem, a responsabilidade será grande.

      Excluir

Este blog é CATÓLICO. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se reservam o direito de publicar ou não.

COMENTE aqui. Para outros assuntos, use o formulário no menu lateral. Gratos.

ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA