Pesquisar este blog

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

URGENTE! PRECISAMOS DE CATÓLICOS PARA MANTER O CONCEITO DE FAMÍLIA COMO ESTÁ

São tempos terríveis os que vivemos, e não podemos nos omitir no combate pela verdade, sobretudo quando está em jogo TUDO. 

Não podemos ficar confortavelmente instalados atrás de um computador, olhando passivamente para um mundo que desmorona. Limitando-nos a nos indignarmos e a fazermos ativismo de poltrona, digladiando oralmente em sites de relacionamento. Não podemos, porque o inimigo NÃO DORME. 

Há uma enquete da Câmara de Deputados, em Brasília, questionando a população sobre o conceito de família: 

Você concorda com a definição de família como núcleo formado a partir da união entre homem e mulher, prevista no projeto que cria o Estatuto da Família?  

Com essa pergunta, visam implementar a "desconstrução" do conceito tradicional de família, para contemplar toda série de distorções que a sociedade moderna produziu, incluindo até as perversões patológicas. Pelo andar da carruagem, logo teremos famílias incestuosas e frutos de pedofilia também. 


Assim, NÃO PODEMOS nos calar, nos omitir, com as mais diversas desculpas e pretextos. A verdade é uma só, se nos calarmos, o Mal vence.

Quando votei, o SIM ganhava com certa folga, neste exato momento, o NÃO, que ultrapassou o SIM hoje pela manhã, está com 50,05%. Precisamos reverter isso, antes que seja tarde!  

Cliquem aqui, e votem, e compartilhem e enviem a todos os seus contatos, em todos os sites de relacionamento! Não se acanhem em votar mais de uma vez, destinem alguns minutos/horas de seu tempo para isso!!! 

Viva Cristo Rei! 


  
Ajude o apostolado do Rev. Pe. Cardozo, adquirindo alguns dos itens do Edições Cristo Rei, encomendando Missas (consulte a espórtula diretamente com o rev. Padre), ou fazendo uma doação aqui:

+
Informe aqui o seu e-mail para receber as publicações do PALE IDEAS: Delivered by FeedBurner

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog é CATÓLICO. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se reservam o direito de publicar ou não.

COMENTE aqui. Para outros assuntos, use o formulário no menu lateral. Gratos.

ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA