Pesquisar este blog

Novidades!!!

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Condenação do Cardeal József Mindszenty


Aos 6 de fevereiro de 1949, os comunistas húngaros, depois de bárbaras torturas físicas e morais, e ao final de um processo-farsa, condenam ao ergástulo (prisão perpétua) o Eminentíssimo Cardeal József Mindszenty, Arcebispo metropolita de Esztergom e Primaz de Hungria, ilustre hierarca da Igreja do Silêncio.  

Para denunciar o sacrilégio, Sua Santidade o Papa Pio XII fez três áureos discursos ao Sacro Colégio diplomático e ao povo romano.  

Mindszenty morreu mártir aos 6 de maio de 1975. 

Fonte: Sassari Tridentina


      

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog é CATÓLICO. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se reservam o direito de publicar ou não.

COMENTE aqui. Para outros assuntos, use o formulário no menu lateral. Gratos.

ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA