Pesquisar este blog

sábado, 3 de janeiro de 2015

Notícias da sapolãndia...

Para quem está estranhando a falta de notícias sobre as "negociações das 30 moedas" entre Fellay e Müller (Francisco), só posso dizer que os sapos emudeceram

Devem estar tentando digerir o sermão de La Reja, no qual Fellay os quer fazer crer, entre outras coisas, que, além de o estado de necessidade ser subjetivo, o único problema para o reconhecimento como "católicos" - la estampilla!!! - é a irregularidade canônica.  Também falou em jurisdição de suplência... alegando que "isso" demonstra a importância do reconhecimento canônico... Well, um estudante de primeiro dia de "Lógica" derrubaria as argumentações dele com um espirro, e isso sem conhecer nada de Catolicismo!!!  


Por fim, repetiu a mentira que andam repetindo: que Monsenhor Lefebvre sempre quis a estampilla!!! Sim, porque ou é mentira agora ou foi mentira antes, quando os padres da FSSPX, de mamando a caducando, nos repetiam a história da resposta de Monsenhor diante da notícia da excomunhão!!! As duas, não pode ser!  

Se fosse verdade que Monsenhor queria receber o selinho de "Católico Feliz" das mãos dos apóstatas, teria imediatamente se ajoelhado aos pés de JPII e se retratado. Coisa que não fez. Ou fez? Mas, se fez... por que Fellay anda por aí fantasiado de bispo CATÓLICO?  

A única retratação que houve foi do Protocolo de maio de 1988, que foi imediata, mas Roma usa para enganar os fiéis. Quiçá, em breve, até mesmo Fellay também passe a dizer o mesmo! 

O que me causa espanto é que, ao que parece, os sapos estão decididos a crer piamente nisso. Prova disso é um comentário postado, em final de dezembro 2014, em certo site de relacionamentos, por uma senhorita variada das ideias, a título de esclarecer (??????) um pobre interlocutor desavisado: 

"O que a 'resistência' chama de 'acordo' na verdade é Reconhecimento, digamos que... Canônico por parte de Autoridade Eclesial Competente, acerca da Catolicidade da FSSPX".   

É de rachar de rir! E eu nem sei do que rio mais, 

- se rio do gaguejamento (digamos que... - talvez um resto de lucidez que ainda briga contra a mentira... será?) para tentar explicar "que não é acordo"!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk mas "Reconhecimento"!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkk. Para bom entendedor, claro está que se trata de mera questão de semântica. Que o chamem de acordo, combinação, conciliação, concordância, contrato, convenção, convênio, ajuste, acomodamento, transação, adesão, aderência, anuência... - o Português é muito mais do que "acordo" e "reconhecimento"!!!! - ainda assim é um ARREGO: a Neo-FSSPX vai se integrar - e não reintegrar - gradualmente à Igreja modernista! Afinal, preclara sapinha, porque Fellay se encontra com os romanos? Para saber do clima?

- se rio do "Autoridade Eclesial Competente"!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Desde quando a Neo-FSSPX passou de "Roma apóstata" a "Autoridade Eclesial Competente"? Desde quando, raça de víboras, perderam os miolos e pararam de fazer uso da razão? E nem falo dos leigos, ainda que metidos a fumar cachimbo e citar São Tomás de Aquino! Falo mesmo dos PADRES, formados em seminários fiéis à Tradição da Igreja!!! Quando foi que se venderam? Porque não posso crer que os mesmos que falaram para mim que se houvesse acordo (deem-lhe o nome que queiram) a FSSPX gritaria, que a Tradição não nos pertence e por isso não podemos negociá-la, que não há diálogo com a Roma modernista, e tudo o mais que Monsenhor Lefebvre dizia, agora mudaram o discurso e repetem, como disco quebrado, o que Fellay diz, ainda que diga mal!!! Certo padre até me disse que não confiava mais em Fellay, mas obedecia porque há o dever de obediência! Oras, digníssimo senhor!, dever de obediência é para com Deus!!! 

- ou se rio do fato de que Roma apóstata precisa atestar a Catolicidade da FSSPX!!! kkkkkkkkkkk La estampilla!!! Quer dizer que agora são os hereges que dizem quem é e quem não é católico? Então, Monsenhor Lefebvre estava errado ao chamar os interlocutores dele - entre os quais o atual papa aposentado Bento XVI - de "anticristos"! Puxa! Perdi cinco anos da minha vida! Segundo Fellay, eu deveria ter continuado batendo palmas nas Novus Ordo! Só que não! 

Essa moça repete como papagaia na internet o que Fellay disse em La Reja. Nem sei se ela foi em La Reja, mas o que ela diz é eco do que Fellay disse por ocasião das últimas ordenações sacerdotais. O que não é nenhuma novidade, porque eu ouvi algo parecido com isso do ex-prior de São Paulo, querendo, já então, antes de haver necessidade de uma Resistência, que eu acreditasse nisso como verdade. E pensar que ele nos acusava de "agir na trevas"...  

Eu nem sei porque Fellay se dá ao trabalho de ordenar padres, ou dialogar com Roma, se em seu coração ele já abjurou a Fé Católica e quer fazer parte da seita conciliar! Só assim, para esse discurso dele fazer sentido. Se precisamos da "estampilla!", do selo de qualidade dos hereges para sermos considerados católicos, o que fazemos na Tradição? Se 95% do CVII é ACEITÁVEL e apenas 5% DISCUTÍVEL... o que fazemos na Tradição? Se "eles" estão na Igreja Católica, obviamente nós estamos fora.  

Eu, sinceramente, não compreendo como os ralliés dormem à noite! Como conseguem conciliar o sono se acreditam nisso! Eu não conseguiria! Se eu acreditasse no que Fellay diz, eu correria aos pés de Francisco e imploraria perdão! Obediência por obediência, um Papa vale mais do que um mero superior geral de uma congregação que, ainda por cima, nem estampilla de católica tem!!! Isso é ridículo! Isso é bizarro demais! Temos que ser honestos, principalmente conosco mesmos!!!

Enfim, assim caminha a Humanidade. E minha esperança é que os dormidos acordem a tempo. Não fazer uso da razão, aceitar passivamente o que lhes é dito, isto é pecado, e pode ser mortal em vista da matéria, que é grave. Trata-se da salvação de nossas almas!  

E o que me parece é que o orgulho está gritando mais alto que o bom senso. Eu sei que a opção que resta - vir para a Resistência - parece não ser das melhores, em termos de humildade, mas é o que há para hoje! E quem disse que viveremos tempo suficiente para que apareça uma opção que menos afligia à própria arrogância? Se não sabem como fazer para vir para a Resistência, escrevam-me. Eu farei de ponte para que salvem a cara e... a alma.   

Giulia d'Amore

   
Ajude o apostolado do Rev. Pe. Cardozo, adquirindo alguns dos itens do Edições Cristo Rei, encomendando Missas (consulte a espórtula diretamente com o rev. Padre), ou fazendo uma doação aqui:

+
Informe aqui o seu e-mail para receber as publicações do PALE IDEAS: Delivered by FeedBurner

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog é CATÓLICO. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se reservam o direito de publicar ou não.

COMENTE aqui. Para outros assuntos, use o formulário no menu lateral. Gratos.

ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA