Pesquisar este blog

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

MODÉSTIA: uma anedota

Apetite e vergonha

O senhor Ravagnan, que se tornou um famoso pregador jesuíta, em um almoço se encontrou ao lado de uma senhorita elegante, mas pouco vestida. Ele não gostou e ficou taciturno. No final, a jovem arriscou:
- Senhor Ravagnan, não tendes apetite, por acaso?
- E vós, senhorita, não tende por acaso vergonha? Replicou pronto o vizinho interpelado.
A senhorita, por sua vez, perdeu o apetite...
Vinte anos depois ainda se lembrava disso com amargura; como ela mesma confessou depois de sua conversão.

[Extraído de "Catechesi in esempi" de Irmão Remo di Gesù, Ed. "Sussidi", 1956].

ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA