Pesquisar este blog

Novidades!!!

sábado, 24 de setembro de 2016

A criação de um calendário...

Fazer um calendário católico, com os nomes dos santos e os domingos e festas de preceito etc. não é tarefa fácil. Os modernistas, por exemplo, sequer colocam mais essas informações, quando não substituem as piedosas imagens por outras horrorosas, ou, ainda, por outros temas, como flores, animais, paisagens... Sic! 

E é trabalhoso porque, todo ano, o calendário muda, pois o que rege o Ano Eclesiástico, que se inicia no 1º Domingo do Advento, é, na verdade, a Páscoa, uma data móvel. Mudam, também, de ano em ano, os dias que caem nos domingos (quem quiser acompanhar o calendário de datas católicas móveis). Portanto, sim, é um grande e exaustivo trabalho, pois todas as datas devem ser conferidas à perfeição. Praticamente, se recomeça do zero, todo ano. Nos baseamos nos calendários anteriores (para conferir os dias dos santos que não serão afetados pela mudança do ano), no Missal e no Goffiné. Na dúvida, consultamos ainda o nosso diretor e coordenador-mor do projeto, o Rev. Pe. Cardozo. Por isso, começamos por volta do mês de maio do ano anterior ao que será editado. Após o exaustivo trabalho de criação, vem a fase de revisão e de avaliação do trabalho feito. 

Quando, então, resolvemos mudar o layout do calendário, temos ainda mais trabalho. Por exemplo, este ano o calendário está maior do que nos outros anos, vai passar do tamanho 23x32 para o tamanho 21x48. E voltamos ao wire-o, aquela espiral mais moderninha e que vira melhor a folha. O modelo deste ano (vide abaixo) — que tem a última folha maior (com a imagem da Santa Missa e o título e a logo...) veio com uma argolinha para pendurar e folhas picotadas — é até mais em conta, mas não me agrada muito, esteticamente falando.  







O TEMA 

A escolha das imagens é crucial! Para 2017, por ocasião do 100º aniversário da Aparição da Santa Virgem Imaculada em Fátima, resolvemos homenageá-la de forma especial. Desde o início, queríamos dedicar-lhe todo um calendário, mas os temas escolhidos também eram especiais, e a data de 2017 tornaria a homenagem única.  

Só para lembrarmos:  

Em 2014, o tema foi o Beato Frá Angélico (1ª foto).  
Em 2015, o tema foi o Barroco (2ª foto).
Em 2016, o tema foi a Santa Missa de Sempre (3ª foto).
Em 2017, o tema será Nossa Senhora, por causa do 1º centenário da Aparição de Nossa Senhora em Fátima (4ª foto). 



CALENDÁRIO 2014
Clique para ampliar
CALENDÁRIO 2015
Clique para ampliar
CALENDÁRIO 2016
Clique para ampliar


CALENDÁRIO 2017 
Clique para ampliar


CLIQUE PARA SABER MAIS



Se alguém desejar receber gratuitamente as imagens dos calendários, peça AQUI.  




ESCOLHA DAS IMAGENS 

Para escolher as imagens da mais Bela das belas, nesse universo esplêndido que a arte sacra Lhe dedica, resolvemos questionar nossos amigos e conhecidos da Tradição, em uma pequena enquete, particularmente em grupos de Whatsapp. Claro que coletamos bem mais do que 13 opções (capa + 12 meses), então resolvemos acompanhar os temas, mês a mês, com relação a alguma comemoração em que Ela também estivesse retratada. Em janeiro, por exemplo, escolhemos o quadro da Sagrada Família, de Pompeo Batoni, o qual, diga-se de passagem, retratou Nossa Senhora em muitos e belíssimos quadros. Eu lhe dedicaria um livro! Publicamos apenas um detalhe do quadro em que aparecem somente Ela e o Menino Jesus, simplesmente porque é uma cena encantadora... Não é?   




São José restou soberbamente homenageado em fevereiro e março, sempre junto à castíssima Esposa. Em abril, maio e dezembro, também A vemos com Seu amado Filho. Em junho, Ela tem a companhia dos Apóstolos e os discípulos. Encontramo-la aos pés da Cruz, em julho. E, em agosto, setembro, outubro e novembro, Nossa Senhora aparece como principal figura, ainda que o quadro todo possa ter outros personagens. Foi realmente difícil e até doloroso escolher as 13 imagens que ilustram o calendário 2017 porque havia outras mil tentadoras por sua beleza e piedade. Esperamos que gostem das escolhas. Para agosto, tivemos que criar uma imagem simplesmente porque não encontramos nenhum quadro de artistas consagrados que A retratasse com aquele título... Impressionante! Em 300 anos será mesmo que ninguém A retratou de forma piedosa?... Quiçá, uma vez publicado o calendário, possamos receber uma ou mais indicações de algum de nossos benfeitores! 
Uma observação: os que compram qualquer um dos produtos da Editora Missões Cristo Rei são nossos benfeitores, porque toda (100%) a renda obtida com a venda deles é revertida para este apostolado do Rev. Padre Cardozo para que possamos editar mais livros católicos esquecidos pelo tempo. Somente as doações para o Padre feitas via site da Editora vão diretamente para ele. Assim, se além de comprar nossos produtos, quiserem fazer alguma doação específica para a edição dos livros, entrem em contato conosco, pois precisamos.  


MOTIVO DESTE POST 

Por que escrever um post sobre isso? Porque às vezes alguém pode ficar com a impressão de que fazer um calendário litúrgico seja algo fácil e que, por isso, o preço poderia ser mais em conta do que já propomos. Meus queridos leitores, se fôssemos contratar uma empresa especializada, ou se recorrêssemos ao serviço de arte das gráficas, o preço certamente seria bem maior. Nós criamos tudo, desde o zero (exceptuadas as imagens). Modestamente falando, quando levamos o calendário à gráfica para orçamento, ficaram embasbacados com a qualidade da arte, e nos perguntaram com visível admiração qual "equipe de arte" havia feito o trabalho... hihi é uma boa consolação, saber que profissionais do ramo vejam nosso modesto trabalho como algo tão bom assim. 

Para fixarmos o valor final (ou cheio) do calendário, levamos em conta vários fatores: além do trabalho braçal e mental que nos custa, fazemos uma comparação com outros calendários no mercado, do mesmo nível e qualidade (tem para todos os gostos, qualidade e preços). Fixado o preço final, avaliamos um preço promocional, para eventuais campanhas de descontos. Este ano, nos propomos fazer apenas uma, e no começo. Criamos, então, o cadastro de reserva, quase uma pré-venda, a diferença é que o inscrito não paga nada quando da inscrição, e, no final da promoção, quando informarmos o valor promocional, esta seleta lista estará livre para escolher se compra ou não. Bom, diante da qualidade do calendário e do preço promocional que conseguimos fazer — 25% de desconto sobre o preço cheio — eu pressinto que todos efetuarão a compra. Também pressinto que os que não se cadastraram vão desejar tê-lo feito... rsrs Se apressem, então!... 

Quando finalmente entregamos o trabalho pronto, uma sensação de alívio, satisfação e dever cumprido tomou conta de nós. É mais um "filho" que vem à luz para a glória de Deus e o bem das almas! Também há uma sensação de imensa gratidão por Deus nos proporcionar tudo isso. Deo gratias! Deo gratias! Deo gratias! 

Bom, de saída da gráfica, já vínhamos pensando no novo tema, para 2018. Não o revelo hoje, aqui, porque não queremos fazer spoiler. A surpresa será muito boa. 


PEQUENA ENQUETE 

Contudo, não é uma decisão final, estamos abertos a sugestões. Então, deixo aqui algumas questões, se quiserem nos ajudar: 

  1. Qual o tema que deseja ver impresso no calendário de 2018? 
  2. Que tipo de acabamento prefere, o de 2016 (veja a foto acima, que ilustra o calendário 2016) ou com wire-o (veja a foto abaixo, com o calendário 2015)? 
  3. Acha melhor que venha com a folha picotada, para melhor destacar as folhas?
  4. O que acha essencial que um calendário informe e que ainda não esteja em nossos calendários? 

Calendário de 2015 - dedicado ao Barroco

A quem responder, nossos efusivos agradecimentos.  

Encerrando, em breve, iremos publicar as informações definitivas sobre o calendário 2017, principalmente o valor. Aguardem! Se desejarem se registrar no cadastro de reserva, ainda dá tempo, temos sete dias, uma vez que a promoção se encerra no dia 30 de setembro, impreterivelmente. Quem avisa amigo é! LOL.   

A equipe da Editora Missões Cristo Rei.  

Nosso e-mail.  





ADENDO: Ainda a respeito do tema "Calendário Litúrgico", reitero que, apesar de terem nos solicitado que continuássemos a publicar o calendário online, pois faltam apenas três meses para acabar o ano, infelizmente não será possível. Não temos mãos suficientes para tanto trabalho. Lamento. Para aquela senhora que usa o calendário online com os filhos (lembro vagamente), encontrará os santos do mês utilizando a ferramente de pesquisa (menu lateral) ou pelas tag, por exemplo: "Santos de Outubro" e "Festas de Outubro", e assim por diante. O que podemos tentar fazer é colocar um calendário sem link algum. Se tivermos tempo. Espero que compreendam e que rezem por nosso apostolado. Desde já agradeço.  


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog é CATÓLICO. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se reservam o direito de publicar ou não.

COMENTE aqui. Para outros assuntos, use o formulário no menu lateral. Gratos.

ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA