Pesquisar este blog

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Reflexão sobre a Família


Entenda que se você morrer amanhã, em questão de dias, a empresa onde você trabalha cobrirá seu lugar. Porém, a Família que deixamos sentirá a perda pelo resto da vida.

Pense neles, porque geralmente nos entregamos mais ao trabalho que à nossa Família.

Será que não é uma inversão pouco inteligente?

Então, que há detrás desta história? Quem ganha com isso?

Lugar de mulher é em casa, cuidando da Família. Se é necessário que a mulher ajude o esposo a sustentar a casa, então se justifica o trabalho da mulher fora de casa. Se não é necessário por que deixar as crianças com estranhos? Perder anos preciosos de suas vidas? Sua conquistas, suas descobertas, os primeiros passos, as primeiras palavras... Quem os verá? A babá? Uma distraída cuidadora da creche? Quem, principalmente, os educará para serem bons cristãos e honestos cidadãos? Ninguém ama a quem não conhece, como podem os adolescentes amar e confiar nos pais se não os conhecem? Dar a eles camisinhas não é sinal de amor, mas de abandono. Amar é dizer "não"! Amar é educar! Amar é colocar limites. Depois de cercada a terra, pode-se trabalhar nela. Depois de colocar os limites, pode-se dialogar. Antes disso ou, pior, sem isso... é perda de tempo, pq virão os ladrões e tudo roubarão.

Você sabe o significado de Família em inglês? 

F A M I L Y:

"Father And Mother I Love You"

(Papai e Mamãe, eu os amo)


Recebido por e-mail. 

*

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog é CATÓLICO. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se reservam o direito de publicar ou não.

COMENTE aqui. Para outros assuntos, use o formulário no menu lateral. Gratos.

ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA