Pesquisar este blog

Novidades!!!

sábado, 13 de agosto de 2016

Faz o que eu digo, não faz o que eu faço. Peraí...

Como sempre digo, o peixe morre pela boca. E o hipócrita também se trai por ela. Ontem, um famoso blog mexicano comprovou quão hipócrita é, ao publicar um artigo com um título do qual escorre veneno por todas as letrinhas garrafais: "SUPERIOR DEL DISTRITO DE SUIZA: HAY QUE SEGUIR CIEGAMENTE A MONS. FELLAY". E o ilustrou com uma tela de Pieter Bruegel, o Velho: "A parábola dos Cegos" (S. Mat. 15,14)






Vamos por partes.  

Quem quiser perder tempo lendo o que o blog publicou, aqui está o link: http://nonpossumus-vcr.blogspot.com.br/2016/08/superior-del-distrito-de-suizahay-que.html. Aproveitem enquanto está no ar, pois, quando pegos no pulo, esses infames apagam os posts, como se não os tivéssemos printado antes!!! Inclusive o cache... Enfim. 

A pergunta que não quer calar: por que "hipócritas"?  

Vou escrever bem devagarinho para não precisar repetir: os desistentes são hipócritas porque seguem cegamente a seus bispos tortos e criticam os neofrats por fazerem o mesmo. São cegos guiados por cegos. Nem todos, há um líder aí que não parece muito "cego", não... Ri britanicamente das confusões que semeia. Well...   

O pior é que esses mesmos desistentes, há menos de um ano atrás, pensavam e falavam como nós. Mudaram o tema e se assemelham cada vez mais aos neofrats e a todos os demais que capitularam diante de Roma Apóstata. Não é difícil prever o fim dessa deserção... 

Já que postaram uma representação de uma parábola de Nosso Senhor Jesus Cristo, a quem se atrevem a corrigir, vou brindá-los com outra representação de outra parábola, que vem bem a calhar para os hipócritas desistentes. Não é nenhum Bruegel, mas serve como uma luva





Podiam ter dormido sem essa. 





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog é CATÓLICO. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se reservam o direito de publicar ou não.

COMENTE aqui. Para outros assuntos, use o formulário no menu lateral. Gratos.

ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA