Pesquisar este blog

Novidades!!!

sexta-feira, 20 de janeiro de 2012

HERMENÊUTICA DO CAOS...

EDITADO DIA 20/01/12 às 22:40
Devagar com o andor! Eu acabei me precipitando e peços desculpas por contribuir, ainda que não o desejando, com o caos e a balbúrdia. Fato é que parece que a coisa não é bem assim, por causa do estilo escorregadio de falar da Igreja Conciliar, que foge do sim, sim, não, não, aconselhado por Nosso Senhor. 
Bom, saberemos se o Papa fez o que dizem que fez somente em alguns dias, quando as coisas se acalmarem e a Santa Sé perceber o que está havendo e mandar o "Lombardi" dar as desculpas de praxe...
Até lá... rezemos. 

GdA 
 
PS: Se quiser, nem precisa ler a notícia oficiosa abaixo.



Mala tempora currunt. Hoje é um dia marcante para a História da Igreja. Não necessariamente - ou absolutamente - em um sentido positivo. O que nos espera? Em que ponto da longa travessia de quarenta anos no deserto nos encontramos? O que devemos entender disso que está acontecendo? O que fazer? Onde ir? Tudo está perdido? Penso que devemos nos apegar às promessas de Nosso Senhor e seguir em frente, porque esses tempos torpes e escuros irão passar, porque toda tempestade passa, toda noite passa, e o sol sempre ressurge: o nosso Sol sempre estará conosco! E cada dia se torna mais claro onde brilha o Sol...

GdA

HERMENÊUTICA DO CAOS...

Missa Católica do XXI sécolo... 

Ipsissima verba de Kiko Arguello: É um momento histórico, é o que estávamos esperando: que a Igreja reconhecesse a validade desta iniciação Cristã. A Igreja ordenou de estudar a doutrina e a aprovou. Mas a Congregação do Culto dizia que precisava examiná-la sob um ponto de vista litúrgico. E agor vem o selo que diz que também estas celebrações que marcam as etapas de crescimento do itinerário do homem novo são magníficas e são verdadeiramente inspiradas, ajudam o homem a crescer na Fé e a unir-se a Jesus Cristo, a torná-lo cristão. Tudo na Igreja deve ser estudado e aprovado. Depois de tantos anos como não podemos ser gratos a Deus que, depois de tantos sofrimentos e tanto trabalho em todo o mundo, a Igreja reconheça oficialmente que esta iniziazione cristã é válida para a construção de um cristão, de um homem novo, para torná-lo um cristão adulto. 


Missa Católica de sempre!

Acréscimo meu:
“Como posso ser excluído de uma ‘Igreja’ à qual eu nunca pertenci?”


Fonte: Fides et Forma
Tradução: Giulia d'Amore di Ugento

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Este blog é CATÓLICO. Ao comentar, tenha ciência de que os editores se reservam o direito de publicar ou não.

COMENTE aqui. Para outros assuntos, use o formulário no menu lateral. Gratos.

ABORTO - O GRITO SILENCIOSO

CONHEÇA O NOVO SITE DA EDITORA